Slide item 1
Slide item 2
Slide item 3
Slide item 4
Slide item 5
Slide item 6
Slide item 7

Sobre o Projeto

Reações de Oxidação: uma chave para uma nova e sustentável tecnologia de envelhecimento da aguardente vínica

O Projeto OXYREBRAND (POCI-01-0145-FEDER-027819) tem apoio financeiro da União Europeia (FEDER – 161.121,89€) e do Orçamento de Estado (FCT - 75.732,98€).

Incide essencialmente nas regiões Centro (76,75%), Lisboa (20,52%) e Norte (2,73%).

Com início em 18 de outubro de 2018, será concluído em 17 de outubro de 2021.

Em linha com a investigação já desenvolvida pela equipa, o projeto visa desenvolver uma nova e sustentável tecnologia de envelhecimento da aguardente vínica tendo por base o conhecimento dos mecanismos químicos subjacentes.

A estratégia de investigação assenta no envelhecimento de aguardente vínica pela nova tecnologia e pela tecnologia tradicional (em barricas) envolvendo uma ampla abordagem, de natureza química e sensorial, assegurada pelas competências científicas e tecnológicas da equipa.

É expectável a aquisição de conhecimento científico relevante sobre a química do envelhecimento, aplicável sobretudo à aguardente vínica, mas também a outras bebidas espirituosas e ao vinho licoroso. Para além de contribuir para munir a indústria produtora de aguardente vínica de uma nova tecnologia de envelhecimento, figurando como um salto tecnológico expressivo e mais amigo do ambiente, o projeto permitirá obter um produto de qualidade, inovador, de alto valor acrescentado, a colocar nos mercados nacional e internacional a preço mais competitivo. Consequentemente, são previstos impactos económicos, sociais e ambientais, ao nível regional, nacional (destaque para as Denominações de Origem de aguardente vínica, designadamente ‘Lourinhã’) e internacional.

 

Lider

Logo INIAV

 

Parceiros

 

Imagem1 espaçoImagem2Imagem3 Imagem4
Imagem5  Imagem6  

 

espaçoespaçoespaçoespaço